NAF
  • VIII Encontro da Rede de Estudos Rurais

    Publicado em 18/04/2018 às 10:19

    Entre os dias 27 e 30 de agosto de 2018 será realizado o VIII Encontro da Rede de Estudos Rurais nas dependências da UFSC, em Florianópolis/SC. O Encontro terá por tema central: “Concepções de Sociedade e Direitos de Cidadania em Questão: novos desafios para o mundo rural brasileiro”.

    Os Encontros da Rede de Estudos Rurais reúnem pesquisadores e estudiosos de distintas formações disciplinares, profissionais de instituições públicas de pesquisa e extensão e demais interessados nas diversas temáticas relacionadas ao mundo rural. A VIII edição dará continuidade à experiência bem sucedida da Rede e terá repercussão direta nos debates que a comunidade acadêmica vem realizando.

    O encontro vai se constituir num espaço privilegiado para o debate aprofundado das diferentes e, muitas vezes, conflitantes concepções de sociedade, desenvolvimento e cidadania num contexto político-institucional de implementação de medidas que restringem abruptamente um conjunto de políticas e recursos públicos, bem como de direitos sociais e agrários, que foram conquistados sob conflitualidades, nesses últimos anos, pelos povos do campo, pela agricultura familiar e camponesa.

    É nesse sentido que o VIII Encontro deverá representar um espaço fundamental para se promover o debate plural e democrático de ideias e proposições formuladas pelas diferentes perspectivas em questão, sobretudo no que se refere às mudanças sociais em curso na sociedade brasileira e no mundo rural. Sem dúvida, o evento será um momento único para se discutir, também, as contradições do chamado agronegócio, os renovados dilemas que se configuram atualmente para a reprodução social da agricultura familiar e camponesa e para a sustentabilidade socioambiental dos territórios rurais e tradicionais.

    A diretoria e o conselho nacional da Rede, em estreita colaboração com a comissão local, estão trabalhando para viabilizar um evento que atenda às expectativas, seguindo a tradição bem sucedida das edições anteriores.

    Para maiores informações acesse: http://www.redesrurais.org.br/ ou https://www.facebook.com/redesrurais/


  • X Encontro de Hortas Comunitárias e Agricultura Urbana

    Publicado em 12/04/2018 às 16:49

    X Encontro de Hortas Comunitárias e Agricultura Urbana
    15 e 16 de maio, em Maringá-Paraná:

    Dia 15/05/18
    Abertura Oficial:Composição de mesa, Autoridades e formalidades afins.

    Apresentação da Equipe do Evento.
    Palestra sobre o Programa Hortas Comunitárias e a Atuação do Centro de Referencia em Agricultura Urbana e Periurbana – CerAUP/UEM e Prefeitura Municipal de Maringá.
    Prof. Dr. Ednaldo Michellon (UEM),
    Diretora de Agricultura da PMM, Engenheira Agrônoma Samirele Messias e João Pedro Mariano dos Santos.

    Tema:III Conferência Internacional de Agricultura e Urbanização em uma Sociedade Urbanizada.
    Prof. Dr. Sergio Schneider¹ e Dr. Potira Preiss²
    ¹Professor Adjunto IV do Departamento de Sociologia e do PPG-Sociologia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul – UFRGS
    ²Secretária Executiva da III Conferência Internacional Agricultura e Alimentação em uma Sociedade Urbanizada

    Tema: Manejo de solo e adubação orgânica
    Prof. Dr Tadeu Takeyoshi Inoue
    Professor adjunto da Universidade Estadual de Maringá – UEM

    Tema: Manejo agroecológico de pragas
    Dr Fernando Alves de Albuquerque
    Professor adjunto da Universidade Estadual de Maringá – UEM

    Dia 16/05/18
    – Visita Técnica às Hortas Comunitária

    – Equipe CerAUP/UEM
    Mobilização para aIII Conferencia Internacional de Agricultura e Urbanização em uma Sociedade Urbanizada.

    Tema: Avaliação do evento e encerramento.
    Prof. Dr. Ednaldo Michellon
    Professor adjunto da Universidade Estadual de Maringá – UEM


  • Seminário de Boas Práticas em Agricultura e Alimentação – UNIVALI

    Publicado em 12/04/2018 às 16:44

    Acontecerá no dia 12 de abril o Seminário de Boas Práticas em Agricultura e Alimentação, na UNIVALI em Itajaí – SC. Para mais informações acesse: https://www.facebook.com/events/174111909905056/


  • 8º Conferência Latinoamericana y Caribeña de Ciencias Sociales – Primer Foro Mundial del Pensamiento Crítico.

    Publicado em 12/04/2018 às 16:41

    A 8º Conferência Latinoamericana y Caribeña de Ciencias Sociales – Primer Foro Mundial del Pensamiento Crítico estará acontecendo de 19 a 23 de novembro de 2018 em Buenos Aires – Argentina.

    O prazo para submissões de inscrição de trabalhos vai até 12 de abril. Para mais informações acesse o site: https://www.clacso.org.ar/conferencia2018/index.php


  • Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais – ANPOCS

    Publicado em 12/04/2018 às 16:34

    O 42º Encontro Anual da ANPOCS estará acontecendo de 22 a 26 de outubro de 2018 em Caxambu – Minas Gerais.

    O prazo para inscrição de trabalhos em GTs e SPGs vai até o dia 16 de abril.  Propostas para mesas redondas vai até de 04 de maio. As submissões devem ser feitas exclusivamente através do sistema online do encontro. Já as inscrições no evento estarão disponíveis até Para demais informações consulte a página do evento: http://www.anpocs.com/index.php/encontros/42-encontro-anual-2018


  • 18° Congresso Mundial IUAES – Brasil

    Publicado em 28/03/2018 às 19:48
    O 18° Congresso Mundial IUAES –  Brasil ocorrerá na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) entre os dias 16 e 20 de Julho de 2018.
    Para maiores informações acesse: http://www.pt.iuaes2018.org/

  • IV Encontro Nacional de Agroecologia – ENA

    Publicado em 28/03/2018 às 19:27
    O IV ENA – Encontro Nacional de Agroecologia, acontecerá nos dias 31 de maio a 03 de junho de 2018 em Belo Horizonte, Minas Gerais.
    Para mais informações acesse: http://www.agroecologia.org.br/2018/02/16/4o-encontro-nacional-de-agroecologia-sera-realizado-em-belo-horizonte/

  • Livro: Mulheres rurais – Quatro décadas de diálogo

    Publicado em 22/08/2017 às 16:37

    Ao fazer uma espécie de “prestação de contas” do trabalho que realizou em instituições oficiais de ensino e pesquisa em seus quarenta anos de investigação sobre mulheres rurais, a autora mostra um dos lados do desenvolvimento dos estudos de gênero no Brasil.

    Tenta se equilibrar entre uma sociologia rural de raízes machistas e feminismos majoritariamente urbanos. Defende que a passagem dos “estudos de mulheres” para “estudos de gênero” trouxe novas possibilidades de interpretação e fez avançar essa área de estudo. Porém, para ela, estudar gênero deixando de lado as lutas feministas e suas críticas às ciências é deixar de lado a face mais emancipadora desse campo de conhecimento.

    Autora: Maria Ignez Paulilo

     

    Clique aqui para saber como comprar.


  • Dossiê: Agricultura Familiar no Século XXI

    Publicado em 22/08/2017 às 16:25

    Informamos que já está disponível o dossiê: Agricultura Familiar no Século XXI da edição especial da Revista Política & Sociedade. A organização do dossiê foi feita pelos professores Maria Ignez Paulilo (CFH/UFSC) e Valmir Luiz Stropasolas (CCA/UFSC).

    Link para acesso: https://periodicos.ufsc.br/index.php/politica/issue/view/2491


  • Número Especial Revista Política & Sociedade

    Publicado em 17/11/2015 às 14:43

    cabeçalho site_02

    CHAMADA PARA ENVIO DE ARTIGOS (Call for papers)

    Os professores Maria Ignez Paulilo (CFH/UFSC) e Valmir Luiz Stropasolas (CCA/UFSC) estão organizando um número especial da Revista Política & Sociedade sobre o tema: Agricultura Familiar no século XXI
    O número especial se propõe a reunir um conjunto de investigações e abordagens sociopolíticas e culturais que procurem problematizar e colocar em relevo a presença, a importância e os desafios para a reprodução social da agricultura familiar e camponesa na sociedade contemporânea brasileira. As reflexões devem contemplar a diversidade e a heterogeneidade de grupos sociais rurais que fazem parte dessa categoria social, particularmente aqueles que enfrentam processos de invisibilidade social e vivenciam enormes dificuldades para o reconhecimento e valorização das suas demandas nas políticas públicas. Para abordar analítica e criticamente as problemáticas e questões em torno da magnitude, da importância e das novas funções demandadas pela sociedade à agricultura familiar e camponesa, os artigos devem contemplar um conjunto de temáticas estreitamente vinculadas a esta categoria social, especificamente:
    – As implicações da questão agrária na reprodução socioeconômica dos diversos segmentos da agricultura familiar no Brasil e, particularmente, em Santa Catarina, e avaliar as políticas públicas vinculadas ao acesso à terra;
    – As principais problemáticas de gênero e geração na agricultura familiar e camponesa, refletindo sobre os fatores implicados no acesso às políticas públicas e às ações de ensino, pesquisa e extensão rural por parte de mulheres, jovens, etc. Nesse sentido, as análises devem contemplar os aspectos que interagem nas trajetórias sociais e nos projetos de vida concebidos por jovens e mulheres rurais, vinculados à permanência, saída e/ou retorno às comunidades rurais, a partir da abordagem das questões vinculados à (in)visibilidade, ao reconhecimento social ou mesmo à configuração de novas identidades socioculturais.
    – As inovações sociais contemporâneas que têm emergido nesse novo contexto de busca da sustentabilidade do desenvolvimento rural, cujo alicerce fundamental e protagonismo cabe à agricultura familiar e camponesa, entre as quais, a agroecologia, a segurança alimentar e nutricional, a agroindustrialização familiar de alimentos, as redes de cooperação e os novos mercados alimentares;
    – As trajetórias e os desafios atuais dos movimentos e organizações sociais rurais e sua interação com a representação dos diversos e heterogêneos públicos integrantes da agricultura familiar e camponesa. Nesse contexto, refletir sobre as lutas de categorias sociais muitas vezes excluídas das políticas e ações das instituições públicas ou mesmo de organizações representativas da agricultura familiar, entre os quais populações tradicionais, mulheres e jovens rurais. Para isso, as investigações devem contemplar as lutas por acesso aos direitos e pela construção de espaços de autonomia nos movimentos e nas organizações sociais representativas da agricultura familiar e camponesa ou mesmo fora deles, em que se revele as iniciativas diversas e as ações políticas desse público enquanto sujeito social em busca de direitos e de reconhecimento da sua identidade.

    O prazo para submissão de artigos é dia 10.02.2016.

    Informações sobre as normas de publicação: https://periodicos.ufsc.br/index.php/politica